Dados e mais dados: uma lupa na economia criativa de MG

Ter dados confiáveis, detalhados e com séries históricas estabelecidas é característica de um ambiente econômico consistente e atrativo para investimentos. Sem informação, fica empobrecida a formulação de políticas públicas, há menos segurança para investimentos privados e menor estímulo para o empreendedorismo. Todos perdem.

É com base nesse contexto que está nascendo o Observatório P7 Criativo, que se formou para ser um núcleo de estudo e pesquisa permanente, dedicado à geração de dados e à produção de conhecimento sobre a Economia Criativa em Minas Gerais.

A iniciativa reúne a Gerência de Inteligência Competitiva da Fiemg, a Unidade de Inteligência Empresarial do Sebrae Minas e a Diretoria de Cultura, Turismo e Economia Criativa da Fundação João Pinheiro, além da equipe técnica do próprio P7.

PRIMEIRO DESAFIO

As atividades do Observatório tiveram início em março de 2018, com a definição do escopo para o primeiro estudo do núcleo, já em andamento. Um dos grandes desafios deste projeto inicial está sendo o de delimitar, com a maior objetividade possível, um setor tão diverso como a economia criativa.

A previsão é que o resultado do estudo seja lançado até agosto deste ano, e apresente números e tendências da economia criativa no Estado. Informações como o número de empresas do setor, quantidade e perfil dos trabalhadores do segmento, médias salariais e escolaridade dos profissionais estão entre os dados a serem divulgados.

Outro ponto de destaque da pesquisa será o recorte por regiões do Estado de Minas Gerais. Será possível identificar os polos mais consolidados, as regiões emergentes e as áreas com menor intensidade na economia criativa mineira.

Este é o começo do trabalho do Observatório, que chega com a proposta de ter um calendário regular de estudos e publicações sobre esta área da economia, contribuindo para a produção de conhecimento, que é uma das principais missões do P7 Criativo.

Para ficar por dentro do trabalho do Observatório e receber outras novidades sobre o P7, clique a cadastre-se para receber a nossa Newsletter.

Compartilhe:
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on google

Conteúdo Relacionado